Os argelinos estão de volta às ruas apesar da demissão do Presidente Bouteflika. Até parecem ser mais numerosos do que na sexta-feira passada. Os manifestantes exigem a retirada de símbolos do sistema Bouteflika, como o Presidente do Senado Abdelkader, o Primeiro-Ministro Noureddine Bedoui e o Presidente do Conselho Constitucional, Tayeb Belaiz. Exigem também, como fizeram…

(David Nassar) Até agora, a Argélia tem sido uma excepção no mundo árabe. Enquanto toda a região foi afetada pela agitação durante as primaveras árabes, o maior país árabe, africano e mediterrâneo em termos de área foi relativamente poupado. Graças a uma estratégia de poder que consiste, por um lado, em assustar a população sobre…